Loading...

terça-feira, 14 de fevereiro de 2012

Cákis no Casarão das Artes.








Mano Cákis- Lança o livro

Salve Povo.
 Dia 11/02/012 o Cákis colou na Cas das Rosas pra lançar seu livro Não temos muito,  e foi muito prestigiado. Ao lado Pezão.





















terça-feira, 7 de fevereiro de 2012

POESIA É DÁ HORA, MANO! SARAU, MÚSICA E DIVERSIDADE CULTURAL

O Ano nem bem começou e o planejamento de atividades culturais solidárias já está a todo o vapor. Pautados nas datas comemorativas anuais, a gestora de projetos sociais Marah Mends e seu noivo, Hugo paz, poeta, escritor e funcionário público, não se intimidaram com o desa...fio de realizar uma ação sociocultural bem no mês da folia carnavalesca.


O desenvolvimento de uma atividade cultural solidária, de fato, é um desafio, no entanto incomum para esta data, se considerarmos que no mês de fevereiro, a principal atração do brasileiro, em sua maioria, é o carnaval.

Mas, para dois jovens poetas moradores do bairro do Butantã, zona oeste da capital, o ano não começará após a folia, pelo contrário, já começou faz tempo!

Criar, organizar e desenvolver uma atividade sociocultural é a pauta inicial do casal Marah Mends e Hugo Paz, desde o primeiro dia de 2012.

Em parceria com o Centro de Acolhida Barra Funda I, Hugo Paz, Marah Mends e Silvia Lima ( gestora voluntária do Centro de Acolhida), promoverão no dia 25 de fevereiro (Sábado) das 18:30 às 21:30, um encontro cultural intitulado: “Poesia é dá hora, mano!" Esse encontro onde o público alvo são moradores em situação de rua do Centro de Acolhida, tendo como objetivo incentivar a leitura, senso crítico e interatividade através da poesia e bate papo literário.

Nesse encontro, poetas da cidade, escritores, músicos, agitadores culturais e público em geral, terão a missão de interagir com o público alvo em um descontraído Bate Papo sobre a temática: A importância da arte em minha vida.

O convite para organizar e participar desse evento com duração de 3 horas partiu da Gestora de projetos sociais, voluntária Silvia Lima, em novembro de 2011 aos jovens poetas. Silvia era estagiária do curso de serviço social do Centro de Acolhida e conheceu Marah Mends em um curso de Gestão de Projetos Sociais, promovido pelo Senac Consolação.

O centro de acolhida barra funda I foi inaugurado, em 2010, na Zona Central da cidade. O equipamento tem 900 metros quadrados de área construída e atende 200 homens em situação de rua, acima de 18 anos, em regime alternativo de vaga fixa com permanência de seis meses e pernoite. Eles estão acomodados em 100 beliches, tendo a sua disposição o maleiros, banho, jantar e café da manhã.

Está aberto o convite a todos os interessados a para participarem desta iniciativa, que o grupo “Poesia é da hora” irá realizar no centro de acolhida, no ultimo sábado de fevereiro. Com identificação prévia.


Local: Centro de Acolhida Barra Funda I.

Rua Norma Pieruccini Gianotti 77 A – Barra Funda.



Maiores detalhes:

Marah Mends: 11 7121 3403 (marahsaopaulina@yahoo.com.br)

Hugo Paz: 11 7318 3518 (hugo-paz18@hotmail.com)

http://poesiaedahoramano.blogspot.com/

“Clube do Livro Literatura Suburbana”

O clube do Livro Literatura Suburbana tem como objetivo estimular e realizar a distribuição e circulação dos livros produzidos e publicados por escritores da literatura periférica e negra. O projeto terá como ação a captação desses escritores e livros, adquirindo algumas peças dos escritores e revender esses livros a Escolas e Ong’s.
O projeto também realizará alguns encontros desses autores em algumas escolas e Ong’s que adquirirem os materiais por nós oferecidos.

O projeto realizará uma venda a preços justos, focando a expansão e acesso dos livros de literatura periférica e negra para os jovens e adultos atendidos pelas entidades (escolas, ong’s, espaços culturais), estimulando a leitura e aproximando o publico desses escritores.

O Clube do Livro ira atualizar e receber livro para formar um catalogo dos livros produzidos nas comunidades e espaços de literatura.

Então Participe... Mande seu livro, adquira livros, faça propostas...

Conheça melhor o Coletivo Literatura Suburbana e suas Ações

(11) 3427-5363

www.literaturasuburbana.blogspot.com



Coletivo Literatura Suburbana

O coletivo Literatura Suburbana é formado por um grupo de jovens, artistas e agitadores cultural, tem sua base localizada na Vila Brasilândia, Zona Norte de São Paulo. O coletivo surge em 2007 com o objetivo garantir o direito a cultura ficando o Acesso, Consumo e Produção, por meio dos projetos e áreas do coletivo (Hip-Hop, Literatura Periférica e Ensino Étnico Racial)



Projeto Produção Suburbana:

Desenvolver um canal de comunicação com os poetas por meio da publicação de livretos de poesia, participação e produção de saraus e encontros literários, esse ano o coletivo tem como carro chefe o Projeto “Aperte o Play na Poesia”, que tem como atividades, criar um ambiente virtual de troca entre os poetas e promover a cultura da “Áudio Poesia” e “Áudio Book”, gravando e lançando CD de Poesia.



Reviva Rap:

Projeto com Foco na organização do Rap nas comunidades, indo contra a tendência de tirar o rap da comunidade e leva-lo pro centro. O projeto já existe há 3 anos, já lançou 3 coletâneas com a participação de 36 grupos, realizou mais de 20 edições do festival e já contemplou cerca de 120 grupos, e no ano de 2011 premio algumas ações na entrega do Primeiro Premio Reviva Rap.



Escola da África:

Oficina Lúdicas culturais desenvolvida há 4 anos em algumas escolas da região da Brasilândia, o projeto tem como objetivo desenvolver a lei 10.639/03 nas escolas. A partir desse projeto já lançamos 2 edições da Revista escritos negros (2010 e 2011) com informações, poemas, artigos sobre o tema da educação étnico racial na escola.

quinta-feira, 2 de fevereiro de 2012

Comunidade do Conto FEVEREIRO

O tema da comunidade do conto deste mês foi Contos Policiais e foi bem maneiro, um desafio aos participantes. Confira os registros. Pra quem quiser colar na próxima, o tema será Vouyerismo.


Proximo encontro dia 7 de março.
18:30h