Loading...

sábado, 2 de julho de 2011

PROTESTO

Catástrofes naturais e várias tragédias estão acontecendo
Milhares de pessoas, de uma só vez morrendo e poucas sobrevivendo.
Na Àfrica há muito morrem de fome,
vítimas do poder e ganância do homem.
Recentemente no Haiti e na China
muitas se vitimaram soterrados no terremoto.
O mundo assiste a tudo e não se sensibiliza.
A guerra fria continua, junto com a corrida armamentista.
O narcotráfico defende a cocaína,
e o poder branco escraviza e destrói várias vidas.
É o sistema religioso escravocrata cristão
Que prega a submissão em sua doutrina
e a condenação através de palavras.
Eu não vim falar do papa,
mas ele sabe de tudo, domina o mundo.
Vaticano foi conivente com a escravidão dos negros.
Foram os jesuítas que dizimaram os índios brasileiros.
Agora todos desesperados buscam Deus,
pois temem o mundo estar acabando.
Deus tem mais o que fazer.
Não vai salvar nem eu, nem você.
Não é o mundo que está acabando e
sim a humanidade.
Nós temos saúde e inteligência,
e olhe o que fazemos com nosso meio ambiente.
A luta pela igualdade continua.
A resistência se mostra na literatura.
Não tenho que ser como você,
limitado... vitima do sistema
Eu sou um cara revoltado, incomodado e inconformado
com a situação em que vivemos.
Por isso não fico parado, escrevo meus sentimentos e falo,
não para ser ouvido e sim escutado.
Não me importo se por vocês, serei repudiado ou admirado.
Não uso máscaras, não uso drogas, não uso a religião
para aliviar o meu estado, seja qual for a situação.
Vivo de cara limpa, contrariando a estatística.
Dispenso o cigarro e o baseado, não contribuo
com o narcotráfico.
Não quero ficar zen, ficar sossegado ou ficar de boa.
Quero abrir e sentir as feridas do subconsciente
pois só na luta e na resistência, a liberdade e alegria virão.
Espiritualidade eu tenho sim, não sou auto suficiente
Acredito num Poder transcendental e na força dos meus
ancestrais que foram guerreiros
Protesto por que é meu direito.
Expresso aqui o que sinto e faço o que tem que ser feito.

Nenhum comentário: